Sangue bom

Como o rastro suave de um raio solar
Minha mente me leva onde eu possa adentrar
Viajo por lugares que eu não sei onde estão
Escuto vozes, vejo luzes, que eu não sei pra onde vão

Vivendo numa sinestesia total,
Me lembro de repente o plano é transcendental
Acordo nesse mundo mas não lembro o por quê
Enquanto isso, curto a vida e faço à pampa o meu role

Sangue Bom, sangue bom
Aproveite a viagem
Sangue bom, sangue bom,
É só mais uma passagem
Sangue bom, sangue bom,
Cada segundo uma imagem,
Sangue bom, sangue bom

Desde então devo aceitar,  o que a vida me trás
Convivendo com experiências boas e más
Achando que amanhã será um dia melhor
Apesar que a vida às vezes passa a perna sem dó

Mas enfim... assim tá bom pra mim,
E ainda tenho muito tempo enquanto não chega o fim
Enquanto isso eu vivo e não sei por quê
Mas agradeço todo dia pelo novo amanhecer

Sangue Bom, sangue bom
Aproveite a viagem
Sangue bom, sangue bom,
É só mais uma passagem
Sangue bom, sangue bom,
Cada segundo uma imagem,
Sangue bom, sangue bom

Sangue Bom, sangue bom
Aproveite a viagem
Sangue bom, sangue bom,
É só mais uma passagem
Sangue bom, sangue bom,
Cada segundo uma imagem,
Sangue bom, sangue bom

Sangue Bom, sangue bom
Aproveite a viagem
Sangue bom, sangue bom,
É só mais uma passagem
Sangue bom, sangue bom,
Cada segundo é miragem,
Sangue bom, sangue bom.